As calçadas e areias da praia central foram palco de tensões entre valores tradicionais e modernos, num dilema entre mudar ou permanecer, idealizando novos modelos.

Os trajes de banho, então, passam a ter modelos ditados pelo contexto nacional e internacional da moda.
Apesar de toda essa vocação natural em relação à praia, os trajes de banho no início geraram muitos comentários.
Em entrevista, Dona Luiza, ex-proprietária do antigo Hotel Icaraí, relembra de um dos curiosos episódios: “Aqui ninguém conhecia o biquíni e as Labes foram as primeiras que apareceram aqui na praia. Aí a gente ficava ali olhando. As senhoras, as esposas dos pescadores, todos vestidos com roupa normal, olhando elas. Eram bonitas, corpos bonitos e de biquíni, os homens admiravam. Isso devia ser na década de 1960”.
Com o passar dos anos e com o fluxo significativo de turistas na cidade, os costumes locais e os conceitos foram sendo alterados e o biquíni se tornou comum.

Compartilhar
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com